Contos

Amores aleatórios

Tenho tido paixões momentâneas ultimamente. Muitas delas.
Não duram um dia, as vezes se quer duram uma viagem de ônibus.
Ah os amores de ônibus, vem de repente, sem que se espere, e são dos mais variados tipos.
E sempre saem do ônibus antes mesmo d’eu ter a chance de falar com qualquer um desses amores, não que eu tivesse a coragem de ir falar com qualquer uma delas, independente da troca de olhares, independente da beleza.

Platônicos. Só o que são.

Mas fico no lucro. Me apaixono diversas vezes, não digo nada, não levo nenhum Não, não sofro.

Anúncios
Padrão

Um comentário sobre “Amores aleatórios

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s