Vivi e aprendi

Ninguém quer ser o que todo o mundo pode ser

Trabalho de português

É noticia corrente nos meios de comunicação o apelo das grandes indústrias por trabalhadores qualificados, são diversos setores que disputam por pessoas que estejam qualificadas mas não  a encontram. Este se torna então um dos grandes paradigmas da sociedade capitalista, pois em um mesmo lugar onde se vê uma grande oferta de empregos podemos ver também pessoas que ainda não encontraram empresas que possam oferecer oportunidades de trabalho.

Essa revolução se torna então uma faca de dois gumes, e alvo de muitos debates sobre desvalorização da mão de obra e desenvolvimento da economia. Mas por que então um efeito tão atípico como a falta de mão de obra acontece?

As respostas vêm conforme entendemos os processos de transformação do conhecimento das gerações, já que se a cada revolução industrial novos setores e novos cargos são criados, os que já existem há algum tempo entram em certa discriminação por parte das novas gerações. Acaba então que os novos profissionais desejam cada vez menos ser o que todo mundo pode ser, mesmo que essas profissões ofereçam salários cada vez melhores. As pessoas ficam relutantes a assumir cargos como os de pedreiro, gari ou até mesmo agentes de produção, os tais apertadores de botão. Não se vê noticias de falta de mão de obra na área de informática ou relacionadas a engenharia.

A mecanização do trabalho tirou diversas pessoas de seus cargos, mas essa mesma mecanização transformou uma geração de pessoas que não querem de forma alguma assumir cargos que não estejam relacionados a nova onda tecnológica ou que lhes obriguem a desenvolver funções de cunho braçal, assim como é o caso da construção civil, setor em franco crescimento mas que sofre com esses tais problemas.

Com o passar do tempo novos cargos serão criados, e antigas funções irão entrar em colapso. A mecanização poderá vir a suprir toda essa necessidade, ou talvez a intenso trabalho das mídias de repopularizar essas funções dê resultado. O que não devemos é esperar que jovens tenham sonhos ditos como medíocres para sustentar uma sociedade estatal cada vez mais decadente, esses jovens sempre estarão a sonhar alto, e esses antigos cargos sempre serão vistos com menosprezo.

Anúncios
Padrão

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s